Artigos Pedagógicos
  Avaliação Educacional
  Escola Digital
  Educação a Distância
  Educação Inclusiva
  Educação Infantil
  Estrutura do Ensino
  Filosofia da Educação
  Jovens e Adultos
  Pedagogia Empresarial
  Outros Assuntos
 História da Educação
 Linhas Pedagógicas
 Metodologia Científica
 Projetos/Planejamento
 Biografias
 Textos dos usuários

 Listar Todas
 Por Níveis
  Educação Infantil
  Ensino Fundamental I
  Ensino Fundamental II
 Por Disciplinas
  Matemática
  Língua Portuguesa
  Ciências
  Estudos Sociais
  Língua Inglesa
  Língua Espanhola

 Jogos On-line
 Desenhos para Colorir
 Contos e Poesias

 Glossário
 Laifis de Educação
 Estatuto da Criança
 Indicação de Livros
 Links Úteis
 Publique seu Artigo
 Fale Conosco

 
Busca Geral

 

  
A Aprendizagem Escolar Diante do Déficit de Atenção

Autor: Patricia Fabiane de Oliveira
Data: 24/02/2017
RESUMO

Com prevalência em crianças e adolescentes, o Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH) apresenta-se como um distúrbio neuro-comportamental, com consequências no decorrer do aprendizado na fase de desenvolvimento, acarretando dificuldades emocionais e sociais. Diretamente relacionado com fatores ambientais e genéticos, a forma de tratamento é atribuída ao diagnóstico precoce.

É devido à pratica pedagógica a questão fundamental para o desenvolvimento deste trabalho, já que se atribui a esta dificuldade o mau desempenho escolar de determinados educandos, assim como problemas familiares e sociais ligados à atenção.

Sendo assim, busca-se com estes estudos compreender este transtorno, identificando as causas e sintomas prováveis, propondo intervenções para o favorecimento e melhora nos resultados escolares, oferecendo caminhos e alternativas que possibilitem meios para um melhor atendimento educacional.

Palavras-chave: Acessibilidade; (TDAH); Ensino-aprendizagem.

1 INTRODUÇÃO

Pensando em uma educação bem estruturada, se pensa também em levar a aprendizagem e o desenvolvimento a todo ser humano que esteja aberto à aprendizagem, moldando cada indivíduo de acordo com o contexto educacional estabelecido, o que transfere os educadores a diferentes adaptações em busca a atingir os objetivos que lhes foram propostos. De acordo com a realidade educacional, são associadas à aprendizagem várias barreiras que envolvem diretamente os indivíduos ligados a este sistema, afetando o objetivo.

Tido como um desafio aos educadores e família, o transtorno do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) torna-se um obstáculo a mais para ser superado no processo de aprendizagem. A família que não sabe que postura deve assumir diante das dificuldades detectadas em crianças em idade escolar e, os educadores, detentores de poucas informações sobre o tema, ficam sem saber o que fazer perante os insucessos no desenvolvimento escolar.

Este estudo está ligado a questões pedagógicas aplicadas em situações com a existência de dificuldades de aprendizagem, que influenciam e prejudicam o ensino-aprendizagem, detectando as causas e possíveis atitudes que podem ser tomadas a fim de solucionar ou amenizar esta questão.

1. OBJETIVO

1.1.1 OBJETIVO GERAL

O objetivo desta pesquisa é buscar a compreensão teórica do TDAH, identificando seus sintomas e buscando avaliar  as suas causas e consequências. É sabido que um entendimento das causas e influências destas questões que dificultam a aprendizagem pode causar o favorecimento de uma maior atenção e amparo educacional aos educandos que apresentam tais dificuldades.

Com estudos em literaturas na busca de informações e na compreensão de quais são os diferentes aspectos da hiperatividade, diante dos comportamentos e relacionamentos dos educandos que demonstram desatenção e falta de limites no ambiente escolar, objetivamos responder questões como o que é Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH).

1.1.2 OBJETIVO ESPECÍFICO

Procurando promover caminhos e atitudes na prática pedagógica diante das dificuldades, visando alternativas que facilitem o processo ensino-aprendizagem, identificaremos estratégias, assim como recursos utilizados em atendimentos de crianças com o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade;

Com este estudo, tentaremos responder: quais dificuldades são pertinentes a este diagnóstico? O que devemos fazer dentro do contexto escolar com alunos com estas dificuldades? O que orientar a família quanto ao auxilio que devem prestar a estas crianças? E com tantas duvidam que permeiem crianças com TDAH, assim procuramos também conduzir formas de orientar quanto ao nível de conhecimento dos educadores e suas atitudes a respeito destas barreiras no ambiente escolar.

1.2 JUSTIFICATIVA

A importância deste estudo se dá pela significância em compreender o que seria Transtorno déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), identificando as técnicas e estratégias de base pedagógica que são utilizadas em ambientes educacionais, com educandos diagnosticados com estes transtornos.

É sabido que não existem formações sem a conscientização, portanto no decorrer deste curso o conhecimento das TDAH e de suas estratégias é favorável, objetivando o suporte teórico dado aos discentes, que por sua vez poderão em suas práticas realizar abordagens mais conscientes.

1.3 PROBLEMA

Diante de situações observadas em ambientes educacionais com crianças diagnosticadas com TDAH, percebe-se que se trata de um problema que desafia e que interfere diretamente na vida social e pessoal do indivíduo. Detentor de três características básicas, este transtorno precisa ser identificado precocemente para que se possa realizar o impedimento de consequências desastrosas e irreversíveis no processo de aprendizagem e convívio social destas crianças.

Segundo Rohde (1999), a desatenção, a impulsividade e a hiperatividade (agitação), se não forem precocemente diagnosticadas, podem trazer grandes dificuldades em várias etapas da vida destes indivíduos. A importância de se observar com um olhar pedagógico estas crianças no ambiente escolar nos faz querer levantar esta bandeira, pois é sabido que várias barreiras e tabus já foram derrubados desde a abordagem dos primeiros conceitos de dificuldades de aprendizagem. No entanto, muitas lacunas ainda são enfrentadas, principalmente nas questões pedagógicas devidas à falta de conhecimento e informações.
  Próxima

Curta nossa página nas redes sociais!

 

 

Mais produtos

Sobre Nós | Política de Privacidade | Contrato do Usuário | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2008-2017 Só Pedagogia. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Virtuous.