Artigos Pedagógicos
  Avaliação Educacional
  Escola Digital
  Educação a Distância
  Educação Inclusiva
  Educação Infantil
  Estrutura do Ensino
  Filosofia da Educação
  Jovens e Adultos
  Pedagogia Empresarial
  Outros Assuntos
 História da Educação
 Linhas Pedagógicas
 Metodologia Científica
 Projetos/Planejamento
 Biografias
 Textos dos usuários

 Listar Todas
 Por Níveis
  Educação Infantil
  Ensino Fundamental I
  Ensino Fundamental II
 Por Disciplinas
  Matemática
  Língua Portuguesa
  Ciências
  Estudos Sociais
  Língua Inglesa
  Língua Espanhola

 Jogos On-line
 Desenhos para Colorir
 Contos e Poesias

 Glossário
 Laifis de Educação
 Estatuto da Criança
 Indicação de Livros
 Links Úteis
 Publique seu Artigo
 Fale Conosco

 
Busca Geral

 

No Mundo dos Animais

INCLUSÃO DIGITAL NA BIBLIOTECA PÚBLICA MUNICIPAL
CLIENTELA: ALUNOS DO PRÉ-ESCOLAR 1-A
ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL BEM-ME-QUER
PROFESSORA: STELA MARIS DA ROSA DIAS
TEMPO DE DURAÇÃO: MARÇO A DEZEMBRO/2009

 

1. JUSTIFICATIVA
Diante da necessidade de incluirmos nossos alunos da educação infantil dentro da cultura atual de inclusão dos novos saberes que nos cercam necessário se faz que lhes apresentemos novos instrumentos e meios de aprendizagem, incluindo-os nos diversos locais possíveis, dentro da cidade, permitindo-lhes uma efetiva interação com os novos instrumentos nesse caso, em especial o computador.

2. OBJETIVO GERAL
Incluir digitalmente nossos alunos da E. M. de Educação Infantil Bem-Me-Quer.

3. OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Incluir, digitalmente, os alunos da educação infantil com acesso a algumas ferramentas das tecnologias da informação e da comunicação.
  • Visitar e conhecer os locais públicos da Cidade que nos permitam usufruir de aprendizagens necessárias à vida atual.
  • Explorar as opções de estudo que a Biblioteca Pública Municipal nos permite, em especialmente o uso do Tele Centro de Informática.
  • Aproximar escola e comunidade por meio do uso de espaços destinados a apropriação de novos saberes.

4. ATIVIDADES

  • Desenvolver atividades específicas no computador, como jogos e aplicativos de software educativos.
  • Conhecer e utilizar algumas ferramentas disponíveis como blogs e works educacionais coletivos, da turma.
  • Registros escritos, ilustrativos, fotográficos e virtuais.

5. CRONOGRAMA
Uma visita semanal, nas terças-feiras, com duração de uma hora.

6. METODOLOGIA
Roda de conversas, atividades em grupos e individuais, produções coletivas, passeios-visitas, atividades práticas no computador, postagens virtuais e exposição de trabalhos.

 

7. AVALIAÇÃO
Será satisfatório se nossos alunos se envolverem e se interessarem pelas tecnologias apresentadas, desenvolvendo as propostas de trabalho com prazer e alegria.

 


Curta nossa página nas redes sociais!

 

 

Mais produtos

Sobre Nós | Política de Privacidade | Contrato do Usuário | Anuncie | Fale Conosco

Copyright © 2008-2017 Só Pedagogia. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Virtuous.